Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Estudantes do IFSP conquistam 60 medalhas em olimpíada de matemática
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Estudantes do IFSP conquistam 60 medalhas em olimpíada de matemática

Projeto de ensino colaborou para que instituição ficasse em primeiro lugar no estado de São Paulo 

  • Publicado: Sexta, 20 de Dezembro de 2019, 10h01

Alunos dos cursos técnicos integrados ao Ensino Médio do IFSP foram premiados com medalhas de ouro, prata, bronze e com menção honrosa, na 15ª edição da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP 2019). O resultado foi divulgado no último dia 3 de dezembro, e a cerimônia de premiação acontecerá em 2020, em data a ser definida.

Os estudantes conquistaram 60 medalhas, sendo cinco de ouro, 22 de prata e 33 de bronze. Além disso, também foram conquistadas várias menções honrosas. (Confira a lista completa dos premiados).  O IFSP alcançou, entre as escolas públicas, o primeiro lugar no estado de São Paulo e ficou, ainda, em quarto lugar na classificação nacional.

Criada em 2005 com o objetivo de popularizar o ensino da Matemática entre estudantes do ensino fundamental e médio, a OBMEP registrou este ano um novo recorde de escolas inscritas, com um total de 54.831 instituições, abrangendo 99,71% dos municípios de todo o país. O número total de inscritos foi de 18.158.775 estudantes do ensino fundamental e médio, de 49.002 escolas públicas e 5.829 escolas particulares. 

 Projeto de Ensino

Neste ano, os alunos do Câmpus São Paulo se preparam participando do projeto de ensino "Aulas de Olimpíada de Matemática", coordenado pelos professores Emiliano Augusto Chagas e Felipe Marcos Pinto, do Departamento de Ciências e Matemática do câmpus (DCM/SPO), contando com a participação de alunos do curso de Licenciatura em Matemática do câmpus, que atuaram como voluntários, ministrando aulas no projeto.

O projeto consistia em treinamentos para competições de matemática, que elevam o nível de aprendizado dos participantes, além de aumentarem o prestígio da instituição. Foram produzidos materiais específicos, com base em banco de questões de olimpíadas anteriores, com aulas ministradas durante a semana no campus focadas nas quatro grandes áreas da matemática: combinatória, geometria, álgebra e aritmética.

O projeto chegou a contar com a participação de até 70 alunos, sendo que 50 foram classificados nas fases da OBMEP.

Segundo o professor Emiliano Chagas, coordenador do projeto, houve uma evolução na participação dos alunos do IFSP. "Esse projeto de ensino trouxe um resultado muito bom para nossa instituição, ano passado tivemos apenas seis medalhistas e nesse ano dezenove", destacou, ressaltando, ainda que o resultado maior é a envolvimento dos alunos nesses projetos de ensino e competições científicas. "As olimpíadas culturais e científicas são jogos sem perdedores, mais importante que as premiações foi a dedicação de todo o time: do bolsista, dos voluntários e dos nossos estudantes", relatou Chagas.

"As medalhas e premiações um dia vão ficar na memória e no passado, mas toda a determinação de nosso time nesse projeto fará parte do presente e do futuro de nossos licenciandos e estudantes do médio para enfrentarem seus próximos grandes desafios", declarou.

registrado em:
Fim do conteúdo da página